Pratique seu Inglês com 4 Músicas dos Rolling Stones

stones

 

Pois é!

Nessa quarta as véia estão quebrando tudo no Beira-Rio! E você? Já está com os ingressos na mão? Bem, para aqueles que vão e para os que ficarão em casa, resolvi fazer uma seleção de músicas dos Stones que são boas pra aprender inglês. Sabemos que nesse quesito, os Beatles são muito mais utilizados, mas que tal mudar a regra um pouco e rolar umas pedras pra variar? Portanto tirem as crianças da sala, que os malvados do rock estão na área!

 

Wild Horses

Que balada, fala a verdade! “A vida na infância é fácil de se levar”, é como começa essa sonzeira do álbum Sticky Fingers, de 1971. Será que eles vão tocar no show?

 

Childhood living is easy to do
The things that you wanted I bought them for you
Graceless lady you know who I am
You know I can’t let you slide through my hands

Wild horses couldn’t drag me away
Wild, wild horses couldn’t drag me away

I watched you suffer a dull aching pain
Now you’ve decided to show me the same
No sweeping exit or offstage lines
Could make me feel bitter or treat you unkind
Wild horses couldn’t drag me away
Wild, wild horses couldn’t drag me away
I know I’ve dreamed you a sin and a lie
I have my freedom but I don’t have much time
Faith has been broken tears must be cried
Let’s do some living after we’ll die

Wild horses couldn’t drag me away
Wild, wild horses we’ll ride them some day
Wild horses couldn’t drag me away
Wild, wild horses we’ll ride them some day

 

Vocabulário

Graceless – deselegante
Dull – maçante, difícil de lidar
Bitter – amargo
Sin – pecado
To drag – arrastar / levar de arrasto

 

 

Brown Sugar

Também do Sticky Fingers (e vamos combinar, que álbum!), uma música controversa, pois brown sugar significa açúcar mascavo, o que seria uma música para uma mulher negra: “brown sugar, how come you taste so good?” (Açucar mascavo, como pode você ser tão saborosa?).

 

 

Gold Coast slave ship bound for cotton fields
Sold in the market down in New Orleans
Skydog slaver knows he’s doin’ all right
Hear him whip the women just around midnight

Brown Sugar, how come you taste so good
Brown Sugar, just like a young girl should

Drums beatin’ cold, English blood runs hot
Lady of the house wonderin’ when it’s gonna stop
House boy knows that he’s doin’ all right
You should have heard him just around midnight

Brown Sugar, how come you taste so good
Brown Sugar, just like a young girl should

Brown Sugar, how come you dance so good
Brown Sugar, just like a black girl should

I bet your mama was a tent show queen,
And all her boyfriends were sweet sixteen
I’m no school boy but I know what I like
You should have heard them just around midnight

Brown Sugar, how come you taste so good
Brown Sugar, just like a black girl should

I said, yeah, yeah, yeah, wooo!
How come you, how come you dance so good
Yeah, yeah, yeah, wooo!
Just like a, just like a black girl should
Yeah, yeah, yeah, wooo!

 

Vocabulário

Slave ship – navio negreiro
Cotton fields – plantações de algodão
To whip – chicotear / açoitar
Tent – barraca
I bet – eu aposto

 

 

She’s a Rainbow

Minha preferida! Uma verdadeira viagem psicodélica do ótimo Their Satanic Majesties Request de 1967!  Álbum ainda com o genial Brian Jones! “She comes in colors ev’rywhere, She combs her hair She’s like a rainbow” (Ela chega em cores onde quer que ela vá, ela penteia seu cabelo, ela parece um arco-íris).

 

 

She comes in colors ev’rywhere;
She combs her hair
She’s like a rainbow
Coming, colors in the air
Oh, everywhere
She comes in colors

She comes in colors ev’rywhere;
She combs her hair
She’s like a rainbow
Coming, colors in the air
Oh, everywhere
She comes in colors

Have you seen her dressed in blue?
See the sky in front of you
And her face is like a sail
Speck of white so fair and pale
Have you seen a lady fairer?

She comes in colors ev’rywhere;
She combs her hair
She’s like a rainbow
Coming, colors in the air
Oh, everywhere
She comes in colors

Have you seen her all in gold?
Like a queen in days of old
She shoots colors all around
Like a sunset going down
Have you seen a lady fairer?

She comes in colors ev’rywhere;
She combs her hair
She’s like a rainbow
Coming, colors in the air
Oh, everywhere
She comes in colors

She’s like a rainbow
Coming, colors in the air
Oh, everywhere
She comes in colors

 

Vocabulário

Speck – pitada, nódoa
to comb – pentear
rainbow – arco-íris
pale – pálido

 

 

It’s Only Rock ‘N’ Roll (But I Like It)

Precisa dizer mais? É apenas rock and roll, mas eu gosto!

 

If I could stick my hand in my heart
And spill it all over the stage
Would it satisfy ya, would it slide on by ya
Would you think the boy is strange? Ain’t he strange?

If I could win ya, if I could sing ya
A love song so divine
Would it be enough for your cheating heart
If I broke down and cried? If I cried?

I said I know it’s only rock ‘n roll but I like it
I know it’s only rock ‘n roll but I like it, like it, yes, I do
Oh, well, I like it, I like it, I like it
I said can’t you see that this old boy has been a lonely?

If I could stick a knife in my heart
Suicide right on stage
Would it be enough for your teenage lust
Would it help to ease the pain? Ease your brain?

If I could dig down deep in my heart
Feelings would flood on the page
Would it satisfy ya, would it slide on by ya
Would ya think the boy’s insane? He’s insane

I said I know it’s only rock ‘n roll but I like it
I know it’s only rock ‘n roll but I like it, like it, yes, I do
Oh, well, I like it, yeah, I like it, I like it
I said can’t you see that this old boy has been a lonely?

And do ya think that you’re the only girl around?
I bet you think that you’re the only woman in town

I said, I know it’s only rock ‘n roll but I like it
I said, I know it’s only rock ‘n roll but I like it
I know it’s only rock ‘n roll but I like it
I know it’s only rock ‘n roll but I like it, like it, yes, I do
Oh, well, I like it, I like it. I like it. I like it. I like it. I like it.
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
It’s only rock ‘n roll but I like it
I like it.
I like it.
I like it.
Oh yeah I like it
I like it

 

Vocabulário

To spill – derramar
Ya  – você
To stick a knife – cravar uma faca
Lust – luxúria
Lonely – solitário

 

Tá bom? Eu sei, é tanta música boa que sempre falta alguma! E aqui faltam algumas! Mas fica como registro! Bom show e see you next time!!!

 

Veja mais algumas dicas para escrever uma boa composição em Inglês

essay

 

Sabe por que você acha difícil escrever um essay ou composition? Nem é tanto por causa da limitação de uma língua estrangeira, mas porque você não está acostumado a escrever nem em português.

Acertei?

Expressar-se por meio de um texto não é bem assim. É preciso treino, pelo menos ter uma boa noção de estrutura e ter um bom vocabulário. E se a pessoa não é dada à leitura, esqueça. Vai ter um trabalho enorme para conseguir o desprendimento necessário para produzir um texto.

Aqui vão algumas dicas importantes para escrever uma redação bem montadinha, porque a criatividade do texto, bem, aí é com você!

São elas:

1 – tenha certeza que você sabe do que está escrevendo.

Por mais que você consiga estruturar as frases e os parágrafos corretamente, desconhecer o assunto prejudicará – e muito – a idéia principal de qualquer texto, que é informar!

2 – planeje o que vai escrever antes de iniciar.

Saiba de onde você está partindo e onde quer chegar.

3 – organize cada parágrafo da composição.

Procure ter apenas um assunto principal por parágrafo. Inicie cada um com uma frase-chave que ligue-o com o contexto da composição, ou com o final do parágrafo anterior. Procure finalizar cada parágrafo com uma frase que o conclua.

4 – não fuja da lógica ao organizar seus parágrafos.

Parágrafos que tragam ideias similares precisam ficar próximos.

5 – seja preciso e direto

Não se perca em palavras demais. Isso pode prejudicar e poluir o texto, fazendo com que a ideia fique confusa.

6 – feche a composição com um parágrafo que conclua a informação que você pretende passar.

 

E lembre-se:

– Mantenha as suas frases curtas e simples para que seu leitor possa entendê-lo facilmente
– Sua composição tem que ser precisa, bem vívida e clara
– Evite usar palavras polêmicas e expressões complexas. O seu leitor e os corretores da sua composição não se impressionam com tais artimanhas.
– Nunca use uma palavra que nem você compreende
– Caso não tenha certeza sobre como se escreve alguma palavra, procure um sinônimo. Se puder, procure num dicionário. Mas faça isso apenas após tentar usar um sinônimo.
– Não use gírias ou coloquialismos. Isso deixa sua composição informal demais.

 

 

Siga essas regras sem medo e mãos à obra!

 

See you next time!

 

 

 

Intensive and Extensive Reading

image

Como falei anteriormente, leitura é uma prática excelente para adquirir vocabulário, melhorar a redação em inglês e até mesmo a conversação.

Mas, infelizmente, o hábito da leitura não é algo muito comum nem em português. Muita gente acha um saco ler qualquer livro.
Então como superar essa barreira quando o aprendizado do idioma inglês se faz necessário?
Quando alunos meus se queixam da leitura, eu costumo dizer que o problema não está em ler, mas o que ler. É preciso saber como despertar a vontade, achar o que lhe interessa. Logo, é preciso que o aprendiz encontre uma literatura que o agrade.

Tanto o aluno jovem quanto o aluno adulto. Vamos ser honestos, dar Alice no País das Maravilhas pra um engenheiro de seus 45 anos de idade com reuniões e call meetings diários não me parece ser uma decisão lá muito sábia. Pode ser até que goste, mas mas a probabilidade de ser uma aposta errada é grande.

Para exercícios com textos em inglês é importante entender que existem dois tipos distintos de leitura: intensive e extensive reading.

A intensive reading é aquela que é normalmente feita em aula, ou em algum homework. Trata-se daquele texto que é lido para ser interpretado imediatamente abaixo. É uma leitura com short deadline (prazo curto) e não necessariamente baterá com o gosto do aluno. Salvo aqueles cursos mais direcionados à atividade que ele exerce.

Porém, o segundo tipo de leitura, chamado extensive reading, poderá trabalhar esse deficit que o primeiro tipo deixou.

Na extensive reading o aluno lê um livro que mais tenha a ver com seu gosto. Tal exercício é normalmente feito com os chamados “readers”, livros conhecidos pelo grande público, mas que têm a sua estrutura e o seu vocabulário adaptados para o nível do aluno em questão. Existem readers desde o nível iniciante ao avançado. Desde as Aventuras de Sherlok Holmes até a biografia de Leonardo di Caprio (se o aluno optar por um livro fino tem a biografia do Justin
Bieber…hehehe).

Na extensive reading o aluno lê em casa, em sua hora de folga, depois do almoço, antes de dormir, ou nos finais de semana. Sem prazo apertado. Ao professor cabe a tarefa de perguntar, de tempos em tempos, como anda a
leitura e se ele pode dar um breve resumo oral do que já leu até o momento. Já vi muitos casos de alunos que antes diziam odiar ler livros praticamente devorar os readers em tempo recorde!

Ler é sempre bom! Ache o seu assunto preferido e aí é só começar! Certamente o seu professor vai orientá-lo para achar um reader bem interessante.

See you next time!

 

Mais gírias em inglês para vocês

image

 

Apertem os cintos para mais uma leva de gírias, ou slang, em inglês!

 

Buddy

Quando você quiser dizer que alguém é seu conhecido, existe uma palavra mais formal chamada “acquaintance”, mas também pode se falar:

– That guy is my buddy!
– Aquele cara é meu camarada/amigão

Lembrou da lenda-viva do blues Buddy Guy? Pois é, esse apelido significa “amigão”, ou um “cara camarada”

 

Starving

Essa é para pessoas como eu, que não se contentam em sentir fome, elas precisam estar famintas!

– Would make me a sandwich? I’m starving!
– Você me faz um sanduíche? Estou morrendo de fome!

 

To kick off

Acredito que essa gíria veio do futebol! Pois você quer saber qe horas algo começa, ou é dado o chute inicial!

– What time does this concert kick off? They’re a bit late, aren’t they?
– Que horas começa o show? Eles estão um pouco atrasados, né?

 

Grumpy

Feche os olhos e pense naquele seu amigo ranzinza. Pois é, ele é grumpy:

– Please don’t call Brian! He’s too grumpy, and I don’t need somebody like that around me these days.
– Por favor, não chame o Brian. Ele é ranzinza demais e eu não preciso de gente assim perto de mim por estes dias.

 
Piece of cake

Sabe aquela coisa barbada de fazer, que não requer qualificação ou conhecimento pra realizar? Para esse tipo de coisa falamos “piece of cake”!

– Installing that new software was a piece of cake! Any child can do it!
– Instalar aquele programa é uma barbadinha! Qualquer criança consegue!

 

Gostou? Anotou? Agora é sair usando!

See you next time!

 

 

“Vai catar coquinho”, “ficar” e outras expressões em inglês

 

image

Vamos a outra leva de expressões que falamos em português, mas nos embananamos quando vamos dizê-las em inglês? Como o próprio termo “embananar” que, ao invés de ser “to embananate” deve ser dito “to mix up”, ou “to confuse”. Coisas assim!

 

Descolado………….. Fashion-conscious

Resista à tentação de dizer que a pessoa é “unglued”, que seria ‘descolado’ no sentido de não estar grudado a alguma superfície… Então faça como o exemplo:

– She likes Johnny because he is a fashion-conscious guy!
– Ela gosta do Johnny porque ele é um cara descolado!

 

Dor-de-Cotovelo………… Jealousy

Elbow ache? Naaaah, seria então pain in the elbow? Sem chance. Para aquele sentimento ruim de invejinha ou ciúmes, o correto é falar “Jealousy”:

– And there he is with his jealousy! He’ll never have it cured!
– E lá está ele com sua dor-de-cotovelo! Ele nunca vai se curar!

 

Ficar………… To make out

Isso mesmo! O velho e bom ficar com alguém numa festa, na praia e não significar namorar. Coisa boa, né! Pois em inglês não podemos usar o verbo “to stay”, mas o phrasal verb “to make out”, que também pode se dizer para quando duas pessoas se dão um beijo daqueles:

– I can’t believe Jennifer made out with Steve again!
– Não acredito que a Jennifer ficou com o Steve de novo!

 

Vai catar coquinho…….. Eat glass / get a life
Aqui também temos que trocar o verbo e o objeto! Nem pense em mandar alguém to “pick little coconut”, ok? A pessoa vai lhe olhar como se você fosse um alienígena! Então faça assim:

– You again? Come on, it’s 2 am! Get a life!
– Você de novo? Convenhamos, são duas da manhã! Vai catar coquinho!

 

Volta olímpica……….. Lap of honor

Confesso que faz tempo que meu time não dá uma volta olímpica, mas isso não me dá o direito de inventar um “olympic lap”, pois isso não existe! O correto é:

– And here they are for their lap of honor!
– E aqui estão eles para a volta olímpica!

 

 

Inglês macarrônico………. Broken English

Tudo bem que você possa realmente não te ainda um inglês maravilhoso, mas não diga que você tem um “macaronic English”, ok?

– I can’t travel by myself with this broken English of mine!
– Não posso viajar sozinho com esse meu inglês macarrônico.

 

 

That’s it for now, my friends! See you next time!

Aprenda as “Negative Questions”, ou as Perguntas Negativas

 

image

Todos nós já sabemos que uma pergunta em inglês pode ser feita das seguintes maneiras:

 

1- Yes, No Questions

Yes/No questions são perguntas que exigem sim ou não como resposta e iniciam com um verbo auxiliar:

– Are you hungry?
– Yes, I am. Actually I’m starving!
– Você está com fome?
– Sim! Na real estou faminto!

– Do you live here?
– No, I don’t. I live Downtown!
– Você mora aqui?
– Não. Eu moro no centro!

 

2- Information questions

Nas information questions usamos as chamadas information words como What, Where, When, Why, etc:

– What do you do?
– I’m an architect!
– O que você faz?
– Sou arquiteto!

– Where are you living now?
– I’m living in Sao Paulo!
– Onde você está morando agora?
– Estou morando em São Paulo!

 

As negative questions são bem simples de aprender e são usadas principalmente nos dois casos acima nos seguintes casos:

 

1- quando convidamos alguém para alguma coisa:

– Don’t they want to come with us?
– Eles não querem vir conosco?

2- quando expressamos surpresa:

– Didn’t you go to the party?
– Você não foi à festa?

3- quando queremos inquirir sobre algo de uma maneira mais educada, neste caso usando o question tag:

– You don’t know the time, do you?
– Você não sabe que horas são, sabe?

 

A partir daqui você pode compor a negative question que lhe ocorrer! As possibilidades são bem amplas e pode-se praticar bastante!

 

Didn’t I tell you it’s an easy subject to learn?

 

Gírias? É pra já!

 

Grafica slang

Vamos aprender algumas gírias a partir de situações, o que você diria formalmente sobre elas e a alternativa dizendo gíria? Olha só:

 

Situação:

Existe algo difícil a ser feito, e você levanta o dedo dizendo que vai fazer!

Frase formal:

– I can deal with the situation adequately
– Eu consigo lidar com esta situação de forma adequada

Gíria:

– Xá comigo
– I can handle it

 

Situação:

Alguém que você não gosta está de partida.

Frase formal:

– I’m so glad he’s finaly leaving.
– Estou tão feliz que ele está finalmente indo embora.

Gíria:

– Good riddance
– Já vai tarde

 

 

Situação:

Você considera uma tarefa extremamente fácil

Frase formal:

– It’s not of a complicated nature
– Não se trata de algo originalmente difícil

Gíria

– I can do it with one hand tied behind my back
– Eu consigo fazer com um braço só

 

 

Situação:

Uma grana sumiu e alguém lhe pergunta se você sabe de alguma coisa

Frase formal

– I know nothing about this case
– Não sei nada sobre isso

Gíria

– I have no clue!
– Não faço a menor ideia!

 

Situação:

Sua namorada lhe deixou 😦

Frase formal

– My girlfriend abandoned me
– Minha namorada me deixou

Gíria

– My girl dumped me
– Minha garota me deu o fora

 

Situação:

O teacher aqui precisa finalizar este post

Frase formal

– I’m afraid I have to finish this post
– Receio ter de finalizar este post

Gíria

– I’m done writing this post!
– Chega de escrever este post!

 
See you next time!

 

 

Expressões com peixe, ou fish!

image

 

Você gosta de peixe? Tem quem ame, tem quem odeie! Em inglês peixe é fish! E tem muitas expressões idiomáticas que usam a palavra fish e derivados. Vamos ver?

 

Fish for Compliments

Sabe quando uma pessoa fala com desdém de si mesmo e alguém diz: “ah, tá querendo elogio”?
Pois é, em inglês o equivalente é “to fish for compliments”:

– My hair is terrible today!
– No, of course not! Are you fishing for Compliments?

– Meu cabelo tá horrível hoje!
– Claro que não! Você está querendo elogio?

 

Fish for Information

Aqui a expressão se refere a quando a pessoa sonda por alguma informação como quem não quer nada. Sabe o “jogar verde pra colher maduro”? Pois é mais ou menos isso:

– Did Amy say she’s going to the barbecue?
– Why are you fishing for information when you could call her yourself?

– A Amy disse se ela vai à festa?
– Por que você fazendo sondagens quando poderia ligar pra ela você mesmo?

 
Smell fishy

Algo não cheira bem! E quando quisermos falar isso em inglês diremos:

– Her explanation of where she was last night smells fishy. I think there’s more she didn’t say.
– Tem coisa estranha nessa explicação dela sobre onde ela estava ontem à noite. Acho que ela não falou tudo.

 
A queer fish

Sabe aquela pessoa estranha que age diferente de tudo e de todos? Esta figura é o “queer fish”:

– He never leaves home before having all the doors and windows checked over and over again! He’s a real queer fish!
– Ele nunca sai de casa antes de checar todas as portas e janelas várias vezes! É uma pessoa estranha!

 
Tranquilo? Agora me deem licença que eu vou comer uma tilápia daquelas!

See you next time!