Inversões negativas….o quê?

bicycling-backwards

Seguinte, quando uma frase inicia com never, seldom, rarely, hardly ever, only once, only rarely, not once e not only, a sua ordem normal muda de maneira a ficar parecida a ordem de uma frase interrogativa. Complicado? Que nada, olha só:

 

– I have seen that girl only once.……….Only once have I seen that girl
– Eu vi aquela garota apenas uma vez.

– She never comes here………………….Never does she come here.
– Ela nunca vem aqui.

– She seldon studied……………………Seldon did she study.
– Ela raramente estudava.

– They hardly ever had beer…………….Hardly ever did they have beer.
– Eles raramente beberam cerveja.

 

Importante frisar que essa estrutura é bem formal e muito utilizada por advogados durante um julgamento:

Hardly ever did my client even enter that shop during the week.
– Dificilmente meu cliente entrou naquela loja durante a semana.
Interessante, não? Agora fique sempre bem alerta quanto às inversões!

See you next time!

Entendendo Past Perfect

passado

 

Aquela repassada no Past Perfect!, vamos lá?

 

Qual é a estrutura do Past Perfect e quando o usamos? São duas as estruturas:

1 – Past Perfect Simple – SUJEITO + HAD + VERBO NO PARTICIPIO PASSADO

Usamos o PPS para falar de uma ação no passado que aconteceu antes de outra – também no passado – acontecer. Exemplo:

The game had started before we arrived at the stadium! – O jogo havia começado antes de nós termos chegado ao estádio!

O que aconteceu antes? O início do jogo, logo, ele que vai pro Past Perfect Simple!

2 – Past Perfect Continuous – SUJEITO + HAD + BEEN + VERBO NO ING

Usamos o PPC para falar de uma ação que estava em andamento no passado quando outra, também no passado, aconteceu ou a interrompeu:

Wilbour had been studying all morning when his girlfriend called! – Wilbour estivera estudando a manhã inteira quando sua namorada ligou.

Qual atividade estava em andamento antes de outro acontecimento interrompe-la? O estudo do Wilbour, logo, é ele que fica no Past Perfect Continuous.

 

Feito? E não quero mais saber de erro nesse tempo verbal, hein?

See you next time!

 

Sombra é “Shadow” ou “Shade”?

shadow

 

Aqui estou eu para acabar com esta dúvida, que eu sei que merece um post exclusivo por ser tão recorrente! Saca só:

 

Shadow

Significa sombra, mas a do tipo que reflete na parede ou no chão quando o sol bate na pessoa:

– She was so tired she got scared when she saw her own shadow on the ground!
Ela estava tão cansada que se assustou com sua própria sombra no chão.

Shade

Aqui é quando nos referimos a um local onde o sol não bate, um local à sombra:

-It’s so hot! Let’s find a spot in the shade!
Está tão calor! Vamos encontrar num lugar à sombra!

 

Certo? Viu como não tem mistério?

 

See you next time!

Você sabe cozinhar…em inglês?

cooking

Você sabe cozinhar?

Eu não! Mas eu sei inglês, dessa forma, posso te ajudar, pelo menos, no vocabulário relativo à cozinha, ou seja, a nobre arte de nos deixar com água na boca.

E quando eu falo que eu não sei cozinhar estou falando sério. Eu sou um desastre no simples ato de preparar um ovo frito. Já tentei aprender, tive essa força de vontade, mas desisti. Não é pra mim. E como temos em comum o interesse pelo inglês e vontade de comer coisa boa, é sempre bom juntar a fome com a vontade de comer…

Eis aqui um vocabulário bem prático e completo com verbos usados em receitas, para você que faz da cozinha o seu escritório, ou sua área de lazer preferida. Bon appétit (licença pro francês):

 

 

Verbos que aparecem em receitas:

add…………….adicionar, adicionar ingredientes à receita

bake……………Assar em forno, normalmente pães e farináceos

barbecue………..assar usando carvão ou fogo rústico a partir de lenha

beat……………bater, como se faz ao bater ovos.

boil……………ferver.

break…………..partir ou quebrar em partes menores

broil…………..grelhar, seja carne ou vegetais

carve…………..cortar ou fatiar carne.

chop……………cortar em cubinhos, como se faz com a cebola e demais vegetais

combine…………combinar

cook……………cozinhar

crush…………..esmagar, como se faz com alho

cut…………….cortar

fry…………….fritar

grate…………..ralar, como se faz com o queijo

grease………….untar

grill…………..o mesmo que grelhar ou “to barbecue”

knead…………..socar ou sovar a massa de um pão, por exemplo

mix…………….misturar

measure…………medir

melt……………derreter

microwave……….aqui como um verbo também! Esquentar no microondas.

mince…………..moer comida, normalmente carne

open……………abrir

peel……………descascar

pour……………derramar, despejar um líquido em outro local

put…………….colocar

roast…………..assar, normalmente carnes, em forno

sauté…………..refogar

scramble………..mexer os ovos enquanto no fogo

slice…………..fatiar

steam…………..cozinhar no vapor

sift……………peneirar

stir……………mexer com uma colher para misturar ingredientes

stir fry………..fritar no óleo sempre mexendo o alimento

Tenderize……….bater a carne com o martelinho

wash……………lavar

weigh…………..pesar

 

Hoje tivemos os verbos! Em um próximo post vou colocar outros termos relativos!

See you next time!

E aí? ou….. what’s up?

 

Antes que alguém me encha de osso, por favor: WhatsApp é o nome do aplicativo.

Eles brincaram com o termo what’s up, que é o cumprimento informal: “e aí?” e trocaram a preposição UP pelo APP, que vem de ‘aplicativo’.

What’s up é, portanto, uma saudação informal, entre amigos, assim como tantas em inglês. Vamos a mais algumas?

 

Sup

Sup vem de what’s up e se diz sããp?! Ou seja, é algo relativo ao iãíãmm!? Se é que eu consegui ser claro…

 

Wassup e Wazzup

Já adivinhou, né? São variações de what’s up. Corruptelas mesmo.

 

What up

Da mesma família acima.

 

Yo

Vamos dizer que “yo” pode ser relativo ao nosso opa! pra dar oi! Vem dos guetos e é 56% das letras de rap americano. Em português seria relativo ao…ah, sei lá!

 

How’s it going

Como é que está a coisa? Mais ou menos isso mesmo!

 

What’s good

Que há de bom? Também outro cumprimento bem informal

 

What’s happening

É tipo um que que tá Havendo? Nada demais, mas bem usado.

 

Houdy

Este é o como vai? do interior, dito pelos caipiras – ou rednecks (que vem de pescoço vermelho, do sol). A frase completa seria “Houdy, partner?” como está, parceiro?

 

Beleza? Agora você já pode dar seu oizinho de forma menos pomposa e formal!

see you next time!

Can you understand this?

euv3t

Você está ligado de como usar o “can” com seus significados e aplicações corretas?

Primeiro tenha em mente que o verbo modal “can” significa, possibilidade/habilidade. Ele é usado para falar sobre coisas que você consegue fazer. Então aí vai a primeira dica:

Sempre que você brincar com a frase “eu consigo fazer isso” usando “eu CANsigo fazer isso’ você usa o “can”: I CAN do it. Ou seja, você tem a habilidade de fazer alguma coisa: I can see you from here (eu consigo te ver daqui), I can drive a truck (eu consigo dirigir um caminhão)

O can também é usado para oferecer alguma coisa: can I get you something to drink? (posso te oferecer algo pra beber?)

Para pedir ou perguntar por alguma informação: Can you tell me where the bus stop is? (pode me informar onde é a parada de ônibus?)

 

Lembre-se:

O “can” tem sua forma no passado, que é o could. Ele é usado para falar sobre coisas que você conseguia fazer no passado ou poderia ter feito: I could dance the Polka when I was young (eu conseguia/sabia dançar polka quando era jovem) I could have done the homework If I had time (Eu poderia ter feito o tema de casa, se eu tivesse tempo).

 

E não se esqueça que o can, como um bom verbo modal, não altera sua forma na terceira pessoa do singular no presente do indicativo:

She can dance with me now, if she wants to. (Ela pode dançar comigo agora, se ela quiser)

 

Could you get it? Hope so!

 

Stay tuned for more hints!

 

When ou As?

as

 

Todos sabemos o significado de When, certo? When significa “Quando”:

When is your birthday?……………..Quando é o seu aniversário?

When is she cming home?………….Quando ela vem pra casa?

I’ll let you know when she’s here…..Eu te aviso quando ela estiver aqui.

 

Mas também é possível substituir o “when” por “as” ,sabia? Mas só quando “when” puder ser substituído por “assim que” ou “no momento em que”. Basicamente quando falamos sobre situações quase que imediatamente após alguma ação. Olha os exemplos:

 

When I get home I’ll call you………………………As I get home I’ll call you…………..Assim que eu chegar em casa, te ligo.

She had breakfast when she got up………………She had breakfast as she got up……Ela tomou café da manhã assim que se levantou

I’ll finish the report when I arrive at the office…….I’ll finish the report as I arrive at the office……Terminarei o relatório no que chegar ao escritório

 

Belezinha?

 

See you next time!

 

 

 

 

 

Heads

heads

A palavra “cabeça” tem algumas aplicações no inglês que podem confundir.  Olha só:

Cabeça é simplesmente “head”. E compreende o que fica acima do seu pescoço. Agora vá até o espelho e se olhe por alguns minutos (hahaha, to brincando).
Também usamos head para definir o centro de comando de alguma organização: “headquarters” = matriz/quartel general.
E também podemos usar como verbo para indicar direcionamento: “I’m heading home now, bye-bye” = estou indo pra casa agora, tchauzinho! ou “Where are you heading for?” = para onde você está indo?

E quando você quiser saber o que alguém tem na cabeça, não pergunte “what’s going on in your head?”, mas “what’s going on in your mind?”.

 

Cara

Cara, o nosso cartão de visitas, que compreende boca, olhos e nariz (alguns ornados com piercings e óculos) é “face”, mas quando nos referimos a alguém como “o cara” (né, Obama?) evidentemente que não falamos “the face”, e sim  “the guy”. Então “Ele é o cara” fica “he’s the guy”. Ou até mesmo “he’s the man”.

Se uma coisa é cara, óbvio que ela não é “guy” nem “face”, mas “expensive” ou “pricey”.

Ah sim, e quando você quiser jogar “cara ou coroa” em inglês, lamento informar, mas aí a cara vira cabeça: “head or tails”

 

Ok, guys? See you next time!